O livro DEPOIS DOS 45 - NA PRORROGAÇÃO conta a história de Judson Barros, que tomou a decisão de estudar Direito depois dos 45 anos e se aventurar no mundo competitivo do concurso público. O livro está dividido em sete parte:

Prefácio - de autoria do ilustre Senador Sérgio Petecao: "Certamente que a história de Judson Barros pode servir como um norte, mas cada um terá o seu próprio modo de fazer e seguir a sua própria trilha".

Capítulo I - Baldrame: Mudança mental significa apenas mudar a sintonia do rádio, mudar a frequência. E você tem total controle do botão da sintonia.

Capítulo II - Preleção: O treinador era Gabriel que na conversa foi de uma franqueza exemplar: "Não há times em campo. Você vai jogar contra você mesmo. Por isso, qualquer que seja o resultado, a responsabilidade será sempre sua".

Capítulo III - Primeiro Tempo: A treinadora era aplicada ao extremo, amor e dedicação imperavam na relação. O auxiliar tinha uma participação notável para oferecer as melhores condições de treinamento.

Capítulo IV - Intervalo do Jogo: Ao final do primeiro tempo, o placar era desastroso. O pensamento predominante era o de que não havia mais tempo. Que a minha hora já tinha passado. Percebi que o campo de jogo estava na mente. Substitui jogadores e fiz marcação cerrado com os principais adversários. Entrei no deserto e descobri que nós é que nos escolhemos para Deus.

Capítulo V - Segundo Tempo: Duas pessoas estavam comigo no momento da decisão de estudar depois do 45 anos: Missy-Lanny e Dica, esposa e mãe respectivamente. É nas pequenas coisas que podemos observar a nossa condição de poder e de transformação espiritual e mental.

Capítulo VI - Prorrogação: A responsabilidade de ganhar o jogo foi transferida para os seguintes jogadores: Dedicação, Perseverança, Paciência, Disciplina, Foco e Resiliência. O placar foi invertido!

A consciência cria a realidade.

Aquilo que desejamos é o que recebemos.

O poder da certeza é um princípio universal.